DECA E VICTOR MARTINI. OS DOIS NOMES DESPONTAM COMO PRÉ-CANDIDATOS A PREFEITO DE MARIALVA


🔰Filiações


A pandemia do Coronavírus deixou a classe política em “compasso de espera” nos últimos dias de filiações partidárias no município. Havia uma expectativa de adiamento das eleições e consequente postergação do prazo de filiações, o que não se confirmou.


🔰Datas


A possibilidade de adiamento das eleições para 2022 é praticamente nula, mas o pleito pode não ocorrer em 4 de outubro, data programada. Não se descarta no Tribunal Superior Eleitoral que a escolha dos novos prefeitos e vereadores ocorra em novembro, ou até em dezembro, próximo ao Natal.


🔰Nomes


Faltando menos de cinco meses para a eleição, dois nomes despontam como pré-candidatos a prefeito após o fechamento das filiações partidárias: o ex-prefeito Edgar Silvestre, o Deca (PSD), e o atual prefeito, Victor Martini (PP). Outros nomes podem surgir, mas hoje seriam esses os candidatos a prefeito no município.


🔰Vices


Quanto aos respectivos pré-candidatos a vice de Deca e Victor Martini, há bastante especulação. Fala-se de Ricardo Vendrame, atual presidente da Câmara, ao lado de Deca; e de algum nome da família Feltrin, ao lado de Victor.


🔰Antonieta


A atual vice-prefeita Antonieta Bellinati, que foi vice-prefeita durante dois mandados (de Deca entre 2013 e 2016; e de Martini entre 2017 e 2020), não pode ser candidata a cargo no executivo nas eleições desse ano. Porém, há possibilidade de Antonieta disputar vaga de vereadora. Se eleita, seria o seu sétimo mandato. No meio político, fala-se que Antonieta teria resolvido aposentar-se da política e não será candidata a nada nesse ano.


🔰Vereadores


Chama a atenção o volume de nomes lançados como pré-candidatos a vereador. Estima-se que haverá próximo de 10 chapas proporcionais na disputa municipal. Como cada chapa pode lançar o limite de 14 nomes, calcula-se que tenhamos em torno de 140 nomes disputando as 9 vagas na Câmara Municipal.


🔰Mudaram


O presidente da Câmara de Marialva, Ricardo Vendrame, deixou o Progressistas (PP), que apoia Martini, e se filiou ao Partido Social Cristão (PSC), que apoia Deca. Também passou a fazer parte do PSC o vereador Jefferson Garbúggio, anteriormente filiado ao Partido dos Trabalhadores (PT). Luciano Dário saiu do PSC e entrou para a legenda do Partido Social Democrático (PSD). Os demais vereadores permaneceram em seus partidos: Onésimo Bassan (PDT); Carlos Eduardo Siena (PSC); Josiane Luiz da Silva (PP); Paulo Barbado (PV); Marcio Marcelo Martins (MDB); e Wesley Araújo (PL).


🔰Convenções


Caso a eleição seja mantida para outubro, as convenções partidárias devem se realizar entre o final de julho e o início de agosto, quando começam as campanhas.


🚨🚔🚑🚁🚒🚨

Notícias de Marialva!

🤳🏻Plantão 24 horas pelo WhatsApp📱(44) 9 9734-7144

© Copyright 2019, All Rights Reserved Notícias de Marialva

  • log whats
  • FACEBOOK
  • INTAGRAM