JOVENS DE MARIALVA SÃO INDICIADOS POR MAUS-TRATOS APÓS SUPOSTAMENTE DAREM BEBIDA ALCOÓLICA PARA CÃO



A Polícia Civil de Maringá indiciou por maus-tratos os donos de um cachorro da raça Pug, moradores de Marialva, que são suspeitos de terem dado bebida alcoólica para o animal.

O caso aconteceu no final de maio, em Marialva. Um vídeo que circulou nas redes sociais mostra três pessoas com o animal. Uma delas coloca a mão dentro de um copo com um líquido vermelho e em seguida põe na boca do cachorro.

Em um outro trecho, os jovens colocam o que seria vodka em um pote e depois dão para o cachorro beber. Na postagem, eles afirmam: “eu falei...vodka pura agora!”.

Após a publicação nas redes sociais uma Organização Não Governamental (ONG) de Proteção Animal de Maringá reproduziu a postagem e chamou atenção da polícia. O delegado Matheus Laiola, da delegacia de Proteção ao Meio Ambiente do Paraná, também replicou o vídeo em suas páginas e informou que faria a abertura de um procedimento para investigar o caso.

O delegado Luiz Henrique Vicentini, que trabalhou no inquérito, afirma que o dono do cachorro realizou exame no animal para tentar comprovar que não deu bebida alcoólica a ele. No entanto, segundo o delegado, o exame é considerado inconclusivo pela quantidade ingerida. Para alteração, seria necessário grande ingestão de álcool.

Os jovens negaram as acusações em depoimento à polícia e afirmaram que deram suco e água para o cachorro e não bebida alcoólica.

Segundo o delegado, caso seja instaurado um processo e os jovens sejam condenados, eles podem receber pena de detenção de três meses a um ano, além do pagamento de multa.

De acordo com a polícia, o juiz responsável pela causa analisará se o animal deve ser retirado do dono, conforme pedido feito por uma ONG da cidade.

Os jovens não se pronunciaram para a imprensa.

🚨🚔🚑🚁🚒

Notícias de Marialva!

🤳🏻Plantão 24 horas pelo WhatsApp📱(44) 9 9734-7144

© Copyright 2019, All Rights Reserved Notícias de Marialva

  • log whats
  • FACEBOOK
  • INTAGRAM